Atenção

Fechar

CBCA

Case: Indústria, aeroporto, fachada - A versatilidade do sistema industrializado

07/01/2016 | Notícia | Revista Congresso Latinoamericano Steel Frame - 2015

A versatilidade do Light Steel Frame, com possibilidade de adaptação sem perda de qualidade, tem garantido o excelente desempenho da Idea Sistemas Construtivos em grandes obras como a do novo terminal de passageiros do Aeroporto Internacional André Franco Montoro, em Guarulhos.

Há 18 anos trabalhando com o sistema, o engenheiro Levi Simões faz questão de destacar as vantagens do sistema que resultam invariavelmente em economia de material e menores custos: " ... a Idea é pioneira no mercado e obtém reconhecimento porque preza pela utilização de materiais adequados, não apenas em Steel Frame, se necessário em metais pesados e até concreto. Quando se trata de Steel Frame, nossa mão de obra especializada sabe trabalhar com precisão milimétrica. Isso proporciona custos menores em prazos menores, até um terço menores que a alvenaria. Se a construção for em série, a vantagem pode ser ainda maior, como demonstrou a nossa experiência no Aeroporto de Guarulhos. Em 18 vestiários construídos no canteiro de obras, o tempo da obra foi reduzido à metade".

O novo terminal em Guarulhos desafiador, 400 mil metros quadrados de pista; 250 mil de terminal; 28 mil metros só de canteiro de obras. Para a Idea, o trabalho teve início com as áreas de lazer, em dois módulos. "Obra simples, com estrutura funcional e econômica. Depois vieram os vestiários dos trabalhadores, na mesma linha simples e dinâmica. Assim que as paredes estavam prontas e alinhadas, uma equipe instalava a barreira de vapor e as placas cimentícias. A construção das áreas comerciais - 8 mil metros em 60 dias, também exigiu adaptações. "Nós tínhamos 15 dias para o planejamento e 45 para execução. Mas o projeto que veio da Espanha era bastante complexo e previa perfis tubulares soldados e recortados, coisa impossível em 45 dias. Desenvolvemos então uma estrutura mais simples, com pilares de vigas laminadas e treliças dando sustentação aos perfis diagonais. Fizemos na nossa fábrica um protótipo do módulo, verificamos todas as peças de ligação e na hora de montar na obra não tinha mais surpresa. A estrutura de cobertura foi revestida com painel OSB e depois gesso acartonado".

Posteriormente foi construído o prédio do Corpo de Bombeiros, com estrutura metálica pesada e fechamento em LSF. Todas as placas de revestimento foram pré-pintadas na nossa fábrica. Por se tratar de um ambiente com muito ruído, foi montada estrutura dupla, que aproveitamos para esconder a estrutura metálica.

Levi Simões fala ainda de outro case, este industrial, que levou a ldea à Ponta Grossa, no Paraná, para erguer as instalações de uma indústria de bebidas. Só que desta vez era uma obra totalmente sem alvenaria, por opção da construtora. "O que existia nas regiões de maior impacto eram painéis premoldados até determinada altura e o restante em Steel Frame, exigindo vedações extremamente complexas nas áreas de produção, onde ficam os tanques. Além de paredes de até 10 metros. Tudo bem planejado e executado sem problemas" - finaliza Simões.

Todas as Notícias

Confira também

Não é cadastrado?

Faça agora seu cadastro no site do CBCA e tenha acesso a conteúdos exclusivos e inscrições online. O cadastro no site do CBCA é gratuito, simples e rápido.

QUERO ME CADASTRAR

INDIQUE

Obrigado!
Sua indicação de conteúdo foi enviada com sucesso.