Atenção

Fechar

CBCA

Versátil e Racional

11/07/2018 | Notícia | Revista Arquitetura & Aço - Edição 51

Soluções em aço conferem flexibilidade de layout e redução de custos em novo edifício comercial no interior de São Paulo

Texto de Juliana Nakamura

LOCALIZADO A CERCA DE 100 KM da capital paulista, o município de Itu ganhou, no último ano, um empreendimento comercial com 15 pavimentos, sendo dois subsolos, erguidos com estrutura mista em aço e concreto. Com arquitetura contemporânea e 92 salas de escritórios, a Torre INC foi construída em uma área de expansão do centro, seguindo o cronograma de aportes predefinido por seus investidores ao longo de 30 meses.

“A opção pelos sistemas construtivos industrializados se deu pela vontade de racionalizar ao máximo a obra”, explica o arquiteto Sérgio Sampaio, que, nesse caso, além de autor do projeto, foi um dos incorporadores do empreendimento. Segundo ele, a combinação de soluções como estruturas em aço, fechamentos em drywall e fachadas em light steel frame com placas cimentícias garantiu a máxima redução de desperdícios, minimizando um problema até então comum em sistemas convencionais que fazem uso de alvenarias e concreto moldado in loco.

O projeto teve como principal premissa a total flexibilização do layout interno dos pavimentos-tipo, que podem ser subdivididos em até oito conjuntos de escritórios, com 44 m² ou 50 m², ou garantirem um open space com 440 m² de laje privativa.

No térreo, além do hall de entrada, foram concebidas duas lojas que se abrem para ruas paralelas, com vista para uma praça que dialoga com o espaço público. A permeabilidade com o exterior é reforçada pelos esbeltos pilares de aço em V, junto às faces envidraçadas.

Com volumetria que visa garantir aos usuários belas vistas do entorno e favorecer a iluminação natural, a fachada da Torre INC foi concebida em light steel frame. Do lado interno, a vedação é feita por duas placas de gesso acartonado com proteção ao fogo de 120 minutos. Externamente, o fechamento foi feito com placas cimentícias envelopadas por uma membrana de dupla função: enquanto protege a fachada das intempéries, também auxilia no desempenho termoacústico da edificação. Para o revestimento, uma massa acrílica raspada branca foi especificada para uma melhor reflexão do calor.

“O sistema como um todo reduz significativamente o consumo de energia elétrica com ar-condicionado, e, junto com as fartas aberturas de vidros reflexivos, funciona como uma estratégia passiva de conforto térmico e eficiência energética”, conta Sérgio.

Estrutura mista
De acordo com o engenheiro Flávio Gaiga, diretor da Solutec Engenharia e autor do projeto estrutural, a Torre INC utilizou um sistema híbrido e misto de aço e concreto. “A mescla de sistemas estruturais distintos nos permitiu colher o máximo das características benéficas de cada um dos materiais envolvidos”, comenta o projetista.

A estrutura utilizou concreto moldado in loco em formas trepantes para o núcleo de escada e dos três elevadores. A torre de circulação vertical, assim como os shafts de instalações técnicas, foi estrategicamente deslocada do corpo principal do prédio para possibilitar o melhor aproveitamento do espaço nas lajes. Os pavimentos-tipo, por sua vez, foram erguidos com elementos estruturais mistos: os pilares de aço foram totalmente revestidos de concreto e dimensionados para suportar situação de incêndio; já as vigas de aço receberam proteção passiva por meio de argamassa projetada e as lajes foram executadas em steel deck. Os subsolos e térreo empregaram laje painel treliçada maciça.

Perfis de aço (cantoneiras, WT e tubos circulares) fazem os contraventamentos vertical e horizontal do edifício. A estrutura da caixa de escada e elevadores, composta por pilares-parede em concreto armado, contribui para garantir a estabilidade transversal. “Também foram previstas ligações rígidas entre as vigas principais e os pilares mistos, aporticando o edifício transversalmente, mesclando com contraventamentos verticais”, conta Flávio Gaiga.

Economia indireta
Na Torre INC, os vãos obedecem a uma modulação estrutural de 5 x 8 m. Segundo Sérgio Sampaio, isso mostra que a estrutura metálica
não se viabiliza financeiramente somente quando o projeto pede grandes vãos. “A construção em aço é uma ótima alternativa de controle de custos da obra por ser mais precisa e com maior controle na execução das atividades do canteiro”, comenta o arquiteto. Ele ressalta, ainda, que o sucesso no uso desse tipo de solução passa por uma mudança de postura por parte dos empreendedores em investirem mais esforços em projetos e planejamento, e menos energia em pressionar fornecedores de material e mão de obra.

“A estrutura em aço é um sistema que tem uma lógica construtiva, reticular e modular. Compatibilizando essa solução com os fechamentos adequados, o valor final da obra se equivale ao da construção convencional só que com um desempenho superior”, compara Sampaio, que destaca, ainda, os ganhos ambientais proporcionados pela construção industrializada. (J.N.)

Projeto arquitetônico: Sérgio Sampaio Arquitetura + Planejamento
Área construída: 11.400 m²
Aço empregado: Perfis laminados e chapas ASTM A572 GR50 (ABNT NBR 7007 AR345); Steel Deck (ABNT NBR 7008 ZAR 280)
Volume de aço: 310 t
Projeto estrutural: Solutec Engenharia
Consultoria em estrutura metálica: Engenheiro Célio Perucelo
Fornecimento da estrutura de concreto: Acciaio Construções Metálicas Ltda.
Execução da obra: Vicente Ferrão Costallat
Local: Itu, SP
Conclusão da obra: abril de 2017

Na página da esquerda, detalhe dos pilares mistos: perfis de aço envolvidos por concreto armado. Ao lado, visão geral do empreendimento que apostou em sistemas construtivos industrilizados e conta com estruturas mistas em aço e concreto, fechamentos internos em drywall e externos em chapas cimentícias estruturadas com perfis light steel framing

Todas as Notícias

Confira também

Não é cadastrado?

Faça agora seu cadastro no site do CBCA e tenha acesso a conteúdos exclusivos e inscrições online. O cadastro no site do CBCA é gratuito, simples e rápido.

QUERO ME CADASTRAR

INDIQUE

Obrigado!
Sua indicação de conteúdo foi enviada com sucesso.

Saiba mais sobre
a construção em aço
no Brasil.

Receba nosso conteúdo semanalmente

Arquitetura
Engenharia
Outros