Atenção

Fechar

CBCA

Fluxo linear de trabalho

04/07/2018 | Notícia | Revista Projeto - Edição 442 – Março/Abril

Após ocupar por mais de 20 anos a casa modernista de gregori warchavchik, em higienópolis, a filial paulistana da agência global de Branding Futurebrand mudou-se, no ano passado, para o quinto pavimento do Edifício Une, na Vila Madalena, projetado pelo arquiteto Qui Mattos. A intervenção realizada em espaço com 1,6 mil metros quadrados e pé-direito duplo resultou de processo de criação conjunto entre a FutureBrand, o escritório Athié Wohnrath e o Studio Serradura

FutureBrand e Athié Wohnrath: Sede da FutureBrand, São Paulo

Texto de Camila Gonzalez

Um ambiente amplo, com pé-direito duplo e que se desenvolvesse em apenas um pavimento: esses eram os requisitos fundamentais para a escolha do novo escritório da FutureBrand em São Paulo. Como explica o CEO e sócio da agência, Hélio de Carvalho, o objetivo era que toda a equipe - que teve significativo crescimento nos últimos anos - trabalhasse em um único espaço, de modo a permitir a organização mais horizontal e multidisciplinar, portanto, menos hierárquica.

“Estávamos desde 1993 em um lugar que a gente amava, que era a Casa Modernista da Rua Bahia, do arquiteto Gregori Warchavchik (construída em 1930, ela é tombada pelo Iphan). Mas lá era tudo dividido, com corredores, diversas salas. À medida que a agência foi crescendo, isso foi se tornando uma situação difícil”, explica Carvalho.

Seria inevitável, diante do fato, que se procurasse uma nova casa. Em julho do ano passado (apenas quatro meses após o início da obra), os funcionários da FutureBrand já usufruíam do escritório de 1,6 mil metros quadrados situado no quinto pavimento do edifício Une, recém-projetado por Gui Mattos para a Idea!Zarvos, na Vila Madalena (PROJETO, edição 438, julho/agosto de 2017). Extrapolando o papel de cliente, a FutureBrand divide a autoria do projeto de arquitetura e interiores com o escritório Athié Wohnrath (além de Hélio de Carvalho, a agência conta com outros sócios e colaboradores também arquitetos).

Desprovido de um briefing de projeto tradicional, as diretrizes gerais foram definidas a partir de um processo de cocriação, inclusive com uma série de atividades realizadas com a equipe da agência. De acordo com o arquiteto Sérgio Athié, sócio-diretor do Athié Wohnrath, tal preparação e o fato de o prédio ser novo permitiram que as decisões fossem encaminhadas de maneira assertiva.

Os escritórios do Une, concebidos como lofts, com pé-direito duplo, mezanino e janelas piso-teto, podem ser conectados devido à lógica de posicionamento dos pilares. Assim, a união de diversas salas originou o layout retangular da sede da FutureBrand, permitindo que todas as estações de trabalho fossem posicionadas em um mesmo ambiente. Com a sala comprida as pessoas podem ficar mais próximas das janelas, serem redistribuídas com mais facilidade, além de haver mais contato visual entre elas.

Segundo Athié, de maneira geral, o projeto de arquitetura e interiores é muito integrado com o conceito do prédio, ressaltando a estrutura de concreto e as vigas metálicas e deixando instalações aparentes. O uso de divisórias de vidro em salas mais reservadas permitiu que não se perdesse o caráter integrador do projeto, que também priorizou soluções para oferecer conforto térmico e acústico aos usuários.

O programa de necessidades conta ainda com um ambiente chamado de “coffice”, usado para trabalho, reuniões informais, workshops, descompressão e até mesmo festas, no qual se destaca uma arquibancada conectada ao mezanino e uma estante piso-teto com nichos de diferentes tamanhos, desenhada pela FutureBrand - ambas realçadas pelo projeto de iluminação assinado pelo Studio Serradura. Esse espaço, assim como a entrada da agência, ganhou projetores wall washer, que mudam de cor de acordo com a atmosfera a ser criada. Foram instaladas ainda lâmpadas de LED aparentes no perímetro das vigas, que levam luz indireta para todos os ambientes, evitando o ofuscamento - inclusive na área de staff.

“A arquitetura ilumina o espaço. A luminária é a própria estrutura metálica”, explica Rafael Serradura. Nas salas de reunião, perfis de LED dimerizáveis acompanham a linearidade do layout. Um dos desafios da luminotécnica foi lidar com a predominância de cores escuras na nova agência, o que levou ao uso das mesas brancas como superfície de reflexão.

FutureBrand

Arquiteto formado pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU/USP), designer e especialista em marcas, Hélio Mariz de Carvalho é CEO e sócio da FutureBrand São Paulo. Cesar Hirata, também arquiteto pela FAU/USP, é CCO e sócio da agência. Diretor criativo e sócio da FutureBrand São Paulo, Ewerton Mokarzel é formado em Design Gráfico, pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. Josei Nagayassu, líder da equipe de design ambiental, é formado em arquitetura e urbanismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Athié Wohnrath

Sérgio Athié é sócio-diretor da Athié Wohnrath, escritório de arquitetura com atuação em importantes obras no Brasil e no exterior. Atuando há cerca de 30 anos no setor, é responsável pelo desenvolvimento e coordenação dos projetos na Athié Wohnrath, escritório fundado em sociedade com Ivo Wohnrath.

Ficha Técnica

Escritório: FutureBrand
Local: São Paulo (SP)
Início do projeto: 2017
Conclusão da obra: 2017
Área de intervenção: 1.600 m2
Arquitetura e interiores: FutureBrand São Paulo e Athié Wohnrath
Luminotécnica: Studio Serradura
Implantação: Athié Wohnrath
Fotos: Pregnolato & Kusuki Estúdio Fotográfico e Tuca Vieira

Saiba mais em: https://bit.ly/2KMfhR5.


 

 

Todas as Notícias

Confira também

Não é cadastrado?

Faça agora seu cadastro no site do CBCA e tenha acesso a conteúdos exclusivos e inscrições online. O cadastro no site do CBCA é gratuito, simples e rápido.

QUERO ME CADASTRAR

INDIQUE

Obrigado!
Sua indicação de conteúdo foi enviada com sucesso.

Saiba mais sobre
a construção em aço
no Brasil.

Receba nosso conteúdo semanalmente

Arquitetura
Engenharia
Outros